27.4.09

Ver para crer ou conhecer para crer?

Ontem eu estava pensando nas coisas que tenho entendido de Deus para a minha vida. Nossa! São coisas bem distantes do que é possível ver hoje. Tomando exemplos esdrúxulos, seria algo como: "Antônio Ermírio de Moraes vende seus bens e doa tudo aos pobres", "Jô Soares perde 80 Kg" e "Xuxa pinta o cabelo de preto". No tempo certo, coisas que, hoje, parecem absurdas para mim e para você, se tornarão realidade para a minha vida, pois assim determinou o Senhor...

E eu pensava: será que eu realmente creio nessas coisas? Lembrei, então, de um relacionamento que tive quando era mais nova. Ele era um menino de boa índole, paciente, bem equilibrado e sensato. E eu confiava nas coisas que ele dizia. Parece absurdo hoje, mas, se ele dissesse que o time A ganharia o campeonato, eu acreditava de olhos fechados. Se ele dissesse que eu conseguiria passar numa matéria da faculdade, eu também acreditava piamente.

Mas - o leitor se pergunta - por que você acreditava nele, Izabel? Simples: porque eu o conhecia e sabia da sensatez e ponderação dele! Sabia que ele não falaria, se ele realmente não acreditasse. Se nós conhecermos a Deus, entenderemos que Ele criou todas as coisas, que cumpre a sua palavra e que é poderosíssimo!

O raciocínio é bem simples, mas não é tão fácil de pôr em prática. Hoje eu estava ouvindo uma música que diz assim: "O Senhor, meu Deus, me toma pela mão direita e diz: Não temas, pois Eu sou contigo (...) Até as aves do céu que não semeiam, Deus alimenta. Quanto mais a mim que sou filho seu. Vou esperar em Deus. Vou confiar no que Ele diz" (Não temas - Sonhos e Visões). Por mais que esse verso pareça belo aos nossos olhos (e é!), poucos são os que cantam não só com os lábios, mas também com a vida.

Para que a fé (aquela certeza das coisas que se esperam e a prova do que não se vê, como está em Hebreus 11:1) opere, é necessário que conheçamos em QUEM estamos crendo. Ora, você só dá credibilidade verdadeira para pessoas que conhece profundamente. Talvez por isso a passagem de Oséias 6:3 - "Conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor" - tenha vindo logo após serem citadas promessas que Deus faz a seu povo e que, àquele tempo, pareciam impossíveis.

Conheça a Deus, busque-O! Não para ter promessas, não simplesmente para ver o agir de suas mãos, mas para conhecer o quão MARAVILHOSO Ele é! E, então, você saberá em quem está crendo, quem é essa pessoa que te deu sua palavra e a cumprirá! Isso é um desafio para mim, sei que pode ser para você também, mas não desanime!

22.4.09

White Collar Sideshow

Renatinha, uma amiga lá do Rio, veio me contar de uma descoberta fantástica! Era uma banda. Uma banda um tanto quanto...diferente. Eu fui toda curiosa fuçar os vídeo. E amei!!! É um som bem experimental, mistura de baixo com percussão. Bem legal! Amei a sonoridade, os recursos gráficos e a atuação bem teatral no palco.
Como qualquer ser pensante, os critãos também precisam estar dispostos a experimentações estéticas como forma de expressão da nossa visão de vida: a visão cristã. Os princípios bíblicos precisam ser nossa base e os formatos só poderão ser limitados por aquilo que Deus ditar.
White Collar Sideshow assusta? Claro que sim! A muitos! Mas também encanta a muitos e expressa a forma do cristão perceber a realidade (seja ela a sensível ou a espiritual).
Essa manifestação abre a mente. Nos faz pensar. E expressa muito bem o que Pedro falou em sua primeira carta à galera cristã que estava espalhada pelo chamado mundo gentio:
"Cada um exerça o dom que recebeu para servir os outros, administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas." (I Pe 4:10)
Expressar-se para falar da Verdade que nos liberta é servir e isso deve ser feito conforme a MULTIFORME GRAÇA DE DEUS!

The Parasite Matrimony from "Live in an Empty House"

9.4.09

8.4.09

4.4.09

Só pode ser verdade...

Creio em Cristo e acho que isso é algo que não se explica, se vive. A lógica de Deus é maior do que as nossas mentes podem abarcar. Não há como explicar direitinho pelos nossos métodos, não dá para cientificamente comprovar o que é muito maior que a ciência. Há cerca de 3 anos eu escolhi crer e viver isso. Arrependimento? Nenhum. Crises? Foram muitas. Mas todas muito bem curadas pela ação do Espírito Santo.
Hoje, sou incapaz de colocar em xeque (com "x" porque é o xeque-mate) a existência de Deus e de Cristo, como já fiz antes. Hoje, eu vivo essa fé e entendo melhor a razão de estar aqui.
Creia você também, se jogue, você não vai se arrepender. Isso não é religião. Jesus deve ser a nossa religião, já que Ele é o caminho que traz a religação com Deus. Isso é vida e vida em abundância. São bênçãos, dores, choro, mudança, tudo guiado pelo Espírito. Está pronto para viver uma verdadeira contra-cultura? Siga a CRISTO!



video